PROCESSO SELETIVO

Você sabia que para um empreendimento ser construído é necessária a obtenção de uma licença ambiental? O profissional mais apto para coordenar e conceder essa liberação é o engenheiro ambiental, que também avalia os impactos ambientais de uma construção.

Com isso, o bacharel consegue preservar os recursos naturais e a saúde humana, através do desenvolvimento sustentável, uma das principais funções deste profissional.

Para evitar os danos ambientais, o engenheiro ambiental vai projetar, construir e gerenciar a operação de sistemas de obtenção e distribuição de água, de coleta e tratamento de esgoto e do descarte ou da reciclagem de resíduos.

É responsável, também, pelo diagnóstico, avaliação e prevenção da poluição do ar, do solo ou da água, causada por indústrias e construção de residências em áreas vulneráveis, como encostas e mananciais.

A Engenharia Ambiental é uma área extensa, onde o profissional pode atuar em diversos segmentos como em setores público e privado, e ainda em organizações não-governamentais.

Empresas do ramo da construção precisam do profissional para tratar da área ambiental, de licença, da parte burocrática, da legislação, como da parte de rejeito, entre outros. Na Bahia, o engenheiro pode atuar no Polo Petroquímico, já que toda empresa do setor de petróleo tem normas ambientais a seguir.

O bacharel pode trabalhar na área de saneamento ambiental, de projeto de sistema de abastecimento de água, tratamento de esgoto, de avaliação de sistema de drenagem. Pode também atuar com recursos hídricos, criar sistemas de prevenção e controle de poluição, elaborar licenças ambientais, além de atuar na área acadêmica.

Tendência

Considerada uma área nova, a busca pela energia renovável e limpa é uma das tendências tanto no Brasil como em outros países. Esse é um mercado em expansão devido à preocupação com o meio ambiente, principalmente no combate à poluição atmosférica por questões do aquecimento global e da camada de ozônio.

Outros destaques são as áreas de licenciamento e pericia ambiental, auditoria e geoprocessamento, que tem sido muito valorizada.

Formar um profissional que possa resolver problemas relacionados aos impactos ambientais é um dos objetivos do curso de Engenharia Ambiental da FTC. Ao longo de dez semestres, o aluno é preparado para desenvolver técnicas e tecnologias que ajudem a desenvolver soluções para o meio ambiente.

Para isso, desde o primeiro semestre, os professores buscam estimular a criatividade dos alunos por meio de metodologias ativas, com atividades práticas. Este formato vem contribuindo para a formação de um profissional mais completo e com uma visão holística para atuar no mercado.

O aluno também realiza o projeto integrador, que englobam todas as matérias do semestre, além de participar e promover eventos acadêmicos.

O aluno de Engenharia Ambiental da FTC conta com diversos laboratórios na área que complementam as atividades práticas em sala de aula. Além de realizar visitas técnicas em aterros sanitários, estações de tratamento de água, de esgoto, entre outras instituições.

Prof. Flávio Leopoldino

  • Mestre em Ciência Florestal pela Universidade Federal de Viçosa
  • Graduado em Engenharia Florestal pela Universidade Federal de Viçosa

FORMAS DE INGRESSO

Vestibular Tradicional

Vestibular Agendado

Nota do ENEM

Transferência Externa

DESTAQUES DA UNIDADE

salvador_destaques

Localização

O Campus da unidade da FTC de Itabuna é localizado na área central da cidade, possui fácil acesso e tem proximidade do comércio.

Biblioteca

A biblioteca Jorge Amado é frequentada por pesquisadores, estudantes de nível superior e ensino médio de colégios e cursinhos pré-vestibulares.

Laboratórios

A FTC Itabuna possui laboratórios modernos e bem estruturados que otimizam o ensino, incrementando todo o conhecimento teórico em sala de aula.

DESTAQUES ACADÊMICOS

Você está aqui: